terça-feira, 24 de maio de 2011

Trepada gostosa com outro

Dia desses na Freedom, em noite de solteiros, fomos para o quarto com um casal e um single. Quando entramos nossa amiga disse ao Clau que estava menstruada, mas que pagaria um boquete gostoso para que ele não ficasse na mão. E assim fez: ela se sentou na beiradinha da cama e começou a chupar Cláudio de uma forma que seu pau ficou duro rapidinho - estava gostando, portanto.
Eu, por minha vez, comecei com o solteiro o ritual que gosto tanto: beijo demorado, molhado, com gostinho de tesão e fui descendo, abrindo a camisa dele e alisando seu peito. Ainda beijando, abri seu cinto, o botão da calça e o zíper. Enfiei a mão por dentro da box e senti um pau já latejando, querendo sair.
Kátia continuava chupando meu marido, mas se revezava entre o meu e o dela. Coloquei aquele pau que não era enorme, mas era grossinho e estava bem duro pra fora e fui descendo a língua até encontrá-lo. Comecei passeando com a língua pela cabeça, bem de leve, e fui percorrendo ele todo. Brinquei dessa forma até perceber que ele estava louco para que eu o enfiasse na boca, e assim o fiz. Engoli aquele cacete com gosto, fazendo movimentos suaves de vai-e-vem e acariciando seu saco. Estava boquetando quando ouvi Clau gozar na boca de Kátia. Percebi que ele se levantou e, quando passou por mim, me disse para que ficasse à vontade pois me esperaria lá fora. Kátia saiu em seguida e ficamos eu, Lú e o marido de Kátia, Cléber.
Peguei Lú pela mão e o deitei na cama. Me coloquei de quatro ao lado dele e continuei a chupar seu pau, empinando minha bundinha para Cléber, que batia uma punhetinha enquanto nos olhava. Perguntei a ele se queria comer minha bucetinha e, sem responder, somente me olhando nos olhos, pegou uma camisinha e colocou em seu pau. Ele meteu de uma vez e começou a bombar forte, o que fazia que eu chupasse Lú com mais intensidade e tesão. Cléber disse que não iria aguentar muito tempo, então eu sugeri que eles trocassem de posição pois queria que Cléber gozasse na minha boca. Eles inverteram e passei a boquetar Cléber enquanto Lú, que já queria me comer há algum tempo, metia devagar na minha bucetinha. Não demorou para que Cléber fizesse jorrar porra na minha boca, que eu deixei escorrer pelos cantos, olhando pra ele com cara de safada. Isso deixou Lú com mais tesão e ele me agarrou mais forte pela cintura, metendo com mais força. Cléber se limpou, se vestiu, me deu um beijo e saiu do quarto.
Lú se levantou para fechar a porta e, quando ele voltou, me achou na cama, deitada de frente para ele, com as pernas abertas, pedindo para que ele continuasse a me comer gostoso. Ele se encaixou no meio das minhas pernas e enfiou a cara, devorando minha buceta, chupando o clitóris com maciez, enfiando a língua no meu buraquinho. Com a cara lambuzada, veio chupar meus peitos, lambendo cada bico deliciosamente. Subiu a língua e passou pelo meu pescoço, o deixando todo molhado. Veio com a boca em direção à minha e me engoliu. Peguei seu pau e meti na minha buceta enquanto me beijava, apertando sua bunda como se quisesse que ele entrasse ainda mais. Ficamos assim um tempo e eu o prendi como se fosse dar uma chave de pernas, girando meu corpo por sobre o dele, sem tirar seu pau de dentro. Já sentada por cima, comecei a cavalgar lentamente, rebolando gostoso na cabeça daquele pau. Subia, mexia, descia, encaixava, me esfregava, tornava a subir. Apoiava as mãos nos seus peitos e mexia os quadris para a frente e para trás, sem deixar de olhar pra ele com cara de putinha. Cavalgava com suavidade e força, sugava seu pau com minha buceta e ele apertava minha bunda, meus peitos, minha cintura, me apertava toda. Tirei seu pau de dentro e tornei a sentar nele, dessa vez de costas e fazia questão de erguer cada vez mais minha bunda e rebolar mais gostoso ainda para que ele tivesse aquela visão que todo homem adora. Ora me mantinha mais ereta, ora me deitava mais sobre suas pernas, mas sempre apertando seu pau dentro de mim, até gozar deliciosamente naquela pica, arfando e gemendo. Cansada, me deitei de ladinho e ele posicionou uma perna minha para a frente e veio me comer como se eu estivesse de quatro. Já estávamos no quarto há mais de uma hora e meia quando ele disse que não aguentava mais e iria gozar.
Tirei seu pau de dentro de mim, me virei de frente para ele e disse que queria que ele gozasse na minha barriga. Tirei a camisinha e punhetei aquele pau até sentir sua porra ser derramada em mim, me deixando toda melada, cheirando à porra de macho.

Como se tivéssemos combinado, assim que estávamos colocando a roupa Cláudio bateu à porta. Quando abri e ele me viu com os cabelos grudados, toda suada, me perguntou se eu tinha gostado, ao que respondi que fora ótimo. Ele me olhou, me beijou e disse que iríamos na hora para o quarto ao lado, só nós dois...



 

18 comentários:

  1. Miauuuu!!!

    Que folego, hein? Depois disso tudo ainda foi pro quarto com o maridão? Hummm... que delicia! Mas tbm não posso falar passo o dia inteirinho brincando com meu Dono rsrsrs. Adoro a maneira que vc descreve, rica em detalhes, muito excitante ;)

    Miaubeijos demorados e molhados como vc(e eu tbm)gostamos =^.^=

    ResponderExcluir
  2. Gatona..
    quero falar contigo..
    Me passa seu msn pelo meu email: mrsmyah69@gmail.com
    Não vou demorar, mas queria muito poder falar com você.
    Te aguardo.
    beijos
    Myah

    ResponderExcluir
  3. Uiiiiiiiiiii menina...coisa quente isso hein?
    Beijos em ti

    ResponderExcluir
  4. Boa noite minha querida...
    Respondi seu coment enviando um email para belaveronika@hotmail.com
    Depois você dá uma olhadinha..
    Um beijo carinhoso e que vc tenha uma linda noite...

    Myah

    ResponderExcluir
  5. Minha virtualissíma amiga da arte fodenga, uma vez mais deixaste-me o cacete inchado, louco de tesão...

    ResponderExcluir
  6. Narração tesuda, sem duvida.

    Beijos e abraços ...!

    ResponderExcluir
  7. Nossa que ginastica kkkkk,mas boa né??bjs querida

    ResponderExcluir
  8. Masmo descrevendo tao bem ainda nao chega perto do que foi. Beijos para ti e abraços para Clau.
    Lu hehehe

    ResponderExcluir
  9. Querida já conhecia seu blog, alias sou seguidora dele, agradeço suas visitas seu doce carinho, e menina que delícia de relato parece que estou a ver...
    lá no meu blog tem um mimo do lado direito pra ti, se desejar vá pegar.
    beijos doces e carinhosos


    sub_ísis

    ResponderExcluir
  10. Nosso amigo me falou que vc escreveu a história e eu vim aqui ler. Só lembro da sua cara de acabada rsss. Da próxima vez divide as calorias irmã, nada de comer tudo sozinha rsssssss
    Eu, a vizinha do quarto ao lado que ficou ouvindo barbaridades! rsssssssss

    ResponderExcluir
  11. ...Eu disse que voltava Veroooo... VOLTEI!! NÃO ACREDITO QUE FUI e VOLTEI E NOS FALAMOS TÃO POUCO... mas saiba... um pouco que VLW MUIIITOOO... e que pooooooost menina... nós ainda pegamos vcs nos "swings da vida" afinal... esse mundo é tão pequeno rsrs...E tem um presentinho ESPECIALMENTE para vc lá em casa com carinho e tesão... ah minha amiga... agora vou postar aquele "CUBO" RSRSRS... é acho que é isso rsrsrs... que vc me deu cheio de tarefinhas... qualquer dia desses.. esqueci não... t.adoro minha amiga... bjs dos 3!!!
    http://loirinhaksada.blogspot.com/2011/05/uma-data-muito-especial-voltei.html

    ResponderExcluir
  12. Aí que tesãoooooooooo...caraca...começar o dia por aqui é ficar com as duas bocas cheias de água....
    Que delícia amada...que noite para lá de prazerosa...
    Tenha um dia delicioso e saiba que ti adoro minha amada...bjs carinhosos amada...bjsssssss....

    ResponderExcluir
  13. A maneira que escreve, com toda riqueza de detalhes faz a gente se sentir em cena.... UAU!!!! de repente me deu um calor....rsrs
    Bjsss linda. Otimo dia pra vc!!!

    ResponderExcluir
  14. Adoro qdo vc escreve. Até a tela fica com ares de sensualidade a transbordar. Desta vez então,...


    Beijo In_Correto!

    ResponderExcluir
  15. adoraria conhecer vcs
    meu msn é australiano157@hotmail.com

    ResponderExcluir
  16. PROCURA-SE MULHER DE CORNO GRÁVIDA - CUCKOLD - CREAMPIE - REAL SEX


    >>> fudedor.de.esposas.df@hotmail.com
    >>> (61) 8456-6055 Operadora OI.
    >>> (61) 9285-0356 Operadora CLARO.

    >> Me chamo Ricardo moro em Ceilândia, Brasília-DF sou comedor de esposinhas. Adoro comer as esposinhas de meus amigos na frente deles.

    >>> Procuro casais liberais, casadas, noivas,namoradas e solteiras, grávidas, gringas.

    Adoro gozar dentro da boca das casadas e mandar o corno limpar tudinho, mas se meu novo amigo curtir só observar eu metendo na sua linda esposinha tudo bem. Tenho 35 anos, 1,72m de altura, 72kg, moreno claro. Qualquer casal que curta entre em contato comigo.

    >>>>>> OBS.: Favor não fiquem mandando mensagens para o meu celular, se quiserem me liguem pois sou comedor de esposinhas e não mensageiro. Curto sexo real sou comedor nato.

    ResponderExcluir

Um beijo por seus pensamentos...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Cenas de puro prazer...